PHP: guia sobre tipos de dados

COMPARTILHAR:

Neste artigo, você aprenderá sobre os tipos de dados disponíveis no PHP.

Tipos de dados em PHP

Os valores atribuídos às variáveis ​​do PHP podem ser de diferentes tipos de dados, variando de strings simples e tipos numéricos a tipos de dados mais complexos, como arrays e objetos.

O PHP suporta um total de oito tipos de dados primitivos: Integer, Floating point number or Float, String, Booleans, Array, Object, Resource e NULL. Esses tipos de dados são usados ​​para construir variáveis. Vamos agora discutir cada um deles em detalhes.

PHP Inteiros ou Integer

Um inteiro é um inteiro sem um ponto decimal (…, -2, -1, 0, 1, 2, …). Os inteiros podem ser especificados em decimal (base 10), hexadecimal (base 16 – prefixo 0x) ou octal (base 8 – prefixo 0), opcionalmente precedido por um sinal (- ou +).

<?php
$a = 123; // número decimal
var_dump($a);
echo "<br>";
 
$b = -123; // um número negativo
var_dump($b);
echo "<br>";
 
$c = 0x1A; // número hexadecimal 
var_dump($c);
echo "<br>";
 
$d = 0123; // número octal 
var_dump($d);
?>

O resultado do código acima fica assim:

image

Nota: A partir do PHP 5.4+, você também pode especificar números inteiros em notação binária (base 2). Para usar a notação binária, prefixe o número com 0b (por exemplo, $var = 0b11111111;).

Atenção! Descubra os melhores cursos de programação neste guia especial: Cursos de Programação.

String PHP

Uma string é uma sequência de caracteres onde cada caractere é igual a um byte.

As strings podem conter letras, números e caracteres especiais e podem ter até 2 GB (máximo de 2147483647 bytes). A maneira mais fácil de especificar uma string é colocá-la entre aspas simples (por exemplo, “Olá mundo!”), mas você também pode usar aspas duplas (“Olá mundo!”).

<?php
$a = 'Olá mundo!';
echo $a;
echo "<br>";
 
$b = "Olá mundo!";
echo $b;
echo "<br>";
 
$c = 'Fique aqui, eu voltarei.';
echo $c;
?>

O resultado do código acima fica assim:

image 1

Números de ponto flutuante (Floating Point Numbers) ou duplo (double)

Números de ponto flutuante (também conhecidos como “floats”, “doubles”, ou “real numbers”) são números fracionários ou frações, conforme mostrado no exemplo a seguir.

<?php
$a = 1.234;
var_dump($a);
echo "<br>";
 
$b = 10.2e3;
var_dump($b);
echo "<br>";
 
$c = 4E-10;
var_dump($c);
?>

O resultado do código acima fica assim:

image 2

Booleanos do PHP

Um booleano é como uma chave com apenas dois valores possíveis 1 (verdadeiro) ou 0 (falso).

<?php
// Atribuir o valor TRUE a uma variável
$show_error = true;
var_dump($show_error);
?>

O resultado do código acima fica assim:

image 3

Arrays ou Matrizes em PHP

Uma matriz ou um array é um tipo de variável que pode conter vários valores ao mesmo tempo. É útil agregar uma série de itens relacionados, como um conjunto de nomes de países ou cidades.

Uma matriz é formalmente definida como uma coleção indexada de valores de dados. Cada índice (também conhecido como chave) de um array é único e se refere a um valor correspondente.

<?php
$cores = array("Vermelho", "Verde", "Azul");
var_dump($cores);
echo "<br>";
 
$cores_codigos = array(
     "Vermelho" => "#ff0000",
     "Verde" => "#00ff00",
     "Azul" => "#0000ff"
);
var_dump($cores_codigos);
?>

O resultado do código acima fica assim:

image 4

Objetos PHP

Um objeto é um tipo de dados que permite não apenas armazenar dados, mas também informações sobre o que fazer com esses dados. Um objeto é uma instância específica de uma classe usada como modelo de objeto. Os objetos são criados com base nesse modelo usando a palavra-chave new.

Cada objeto tem propriedades e métodos correspondentes à sua classe pai. Cada instância de objeto é completamente independente, com suas próprias propriedades e métodos e, portanto, pode ser manipulada independentemente de outros objetos da mesma classe.

Aqui está um exemplo simples de uma definição de classe seguida pela criação de um objeto.

<?php
// Definição de classe
class mensagem{
    // Propriedades
    public $msg = "Olá mundo!";
    
    // Métodos
    function mostrar_mensagem(){
        return $this->msg;
    }
}
 
// Criar objeto da classe
$message = new mensagem;
var_dump($message);
?>

O resultado do código acima fica assim:

image 5

Dica: Os elementos de dados armazenados em um objeto são chamados de propriedades e informações, ou o código que descreve como processar os dados é chamado de métodos do objeto.

PHP NULL ou Nulo

O valor especial NULL é usado para representar variáveis ​​vazias em PHP. Uma variável do tipo NULL é uma variável sem dados. NULL é o único valor possível do tipo null.

<?php
$a = NULL;
var_dump($a);
echo "<br>";
 
$b = "Olá mundo";
$b = NULL;
var_dump($b);
?>

Quando uma variável é criada sem um valor PHP como $var, ela atribui automaticamente um valor vazio. Muitos desenvolvedores novatos em PHP acreditam erroneamente que $var1 = NULL; e $var2 = ""; são iguais, mas não são. As duas variáveis ​​são diferentes – $var1 tem o valor nulo, enquanto $var2 significa que nenhum valor foi atribuído a ela.

Recursos ou Resources do PHP

Resources são variáveis ​​especiais que contêm referências a recursos externos.

As variáveis ​​de Resources geralmente contêm manipuladores especiais para abrir arquivos e conexões de banco de dados.

<?php
// Abre um arquivo para leitura
$handle = fopen("nota.txt", "r");
var_dump($handle);
echo "<br>";
 
// Conecta ao servidor de banco de dados MySQL com configuração padrão
$link = mysqli_connect("localhost", "root", "");
var_dump($link);
?>

Segue uma lista de todas as variáveis de recursos na documentação oficial do PHP.

Leia também: Violação de dados do cliente acessados ​​pelo LastPass Password Manager | 5 serviços DNS que fornecem uma camada de segurança na Internet | PHP: guia sobre echo e print | UX vs UI Qual a diferença?

COMPARTILHAR:
brayan

Brayan Monteiro

Bacharel em Sistemas de Informação pela Faculdade Maurício de Nassau e desenvolvedor PHP. Além de programador, produzo conteúdo e gerencio blogs. Sou especialista em desenvolvimento de software, SEO de sites e em negócios digitais.