As 10 principais maneiras de proteger sua identidade online

COMPARTILHAR:

Como a internet se tornou parte integrante de nossas vidas, há uma boa chance de você passar mais tempo online nos dias de hoje. Essas interações online correm o risco de expor sua identidade a ameaças cibernéticas.

Os cibercriminosos não vão recuar tão cedo, então é sua responsabilidade se proteger contra extorsão. Continue lendo enquanto discutimos maneiras eficazes de proteger sua identidade online.

Instale antivírus

Umantivírus é um conjunto de ferramentas que impedem que malware danifique seus dados. Ele fornece recursos antifurto, como antispam, autenticação de sites, armazenamento de senha e detecção de spam para evitar a exposição de dados confidenciais e violações de dados.

Norton Antivirus, McAfee e AVG Internet Security são apenas alguns exemplos de antivírus conhecidos que você pode usar para se proteger sua identidade online.

Verifique a criptografia no aplicativo antes de usar

Confirmar se o aplicativo está criptografado antes de fazer uma transação online ajuda a proteger sua identidade online. Para começar, você precisará procurar o símbolo de cadeado mais seguro; o “s” extra após o protocolo de Internet HTTP na URL ou na barra de URL.

Isso significa que “HTTP” se torna “HTTPS” em sites de cartão de crédito seguros. Você também verá um ícone de cadeado na barra de endereços do navegador ou no canto inferior esquerdo. Esses dois sinais indicam que o site está criptografado e ninguém pode visualizar as informações fornecidas ao proprietário. A criptografia protege sua identidade, números de telefone, endereços, números de cartão de pagamento e muito mais.

Crie senhas fortes

Outra maneira de se manter seguro online é criar uma senha forte. Ao criar uma senha, é fundamental escolher uma que os hackers não consigam adivinhar facilmente.

Por exemplo, não é uma boa ideia usar palavras ou números que outras pessoas possam associar facilmente a você, como seu nome, o nome de seu cônjuge ou filhos, um número de telefone ou qualquer outro caractere ou símbolo que possa ser usado para falar sobre você. identificar.

Para se proteger, escolha uma senha que combine letras, números e símbolos, além de versões maiúsculas e minúsculas dos mesmos números. Você também pode tirar proveito de um gerenciador de senhas para maior segurança. Ele o ajudará a gerar e armazenar senhas, fornecendo proteção adicional contra acesso não autorizado.

Gerenciadores de senhas como Bitwarden(open source), NordPass e 1Password são alguns dos gerenciadores de senhas mais conhecidos. Sobre gerenciadores de senhas, eu recomendo para vocês o Bitwarden, é gratuito, open source, uma belezinha e é o que eu uso.

Leia também: Gerenciador de senhas do Google recebe atualização

Instale a lista negra do navegador

Você já encontrou a mensagem “Este site pode danificar seu computador”? Esta é uma mensagem de aviso de que o site que você está prestes a visitar foi colocado na lista negra.

Uma lista negra do navegador da Web é um mecanismo básico de controle de acesso que impede tentativas maliciosas de hackers de acessar seus endereços de e-mail, logins de usuários e senhas. Quando você adiciona um site ou endereço de e-mail a uma lista negra, isso significa que eles são potencialmente perigosos e inseguros de acessar.

A lista negra é uma maneira eficaz de evitar visitar sites ou links que possam causar danos significativos aos seus arquivos. Portanto, você deve colocar na lista negra os sites que mostram sinais de phishing.

Uso de proteção de dados privados

A proteção de dados privados é outra camada de segurança cibernética que mantém informações confidenciais fora do espaço público. O traje de proteção de dados privados mantém seus dados em sua rede e impede o acesso externo.

Você será notificado se um usuário não autorizado tentar entrar na sua rede. Seus esforços serão em vão, a menos que você conceda acesso a eles.

Ative apenas cookies essenciais do navegador

Cookies são pequenos arquivos de texto que permitem que os sites se lembrem de suas preferências de navegação para aprimorar sua experiência de navegação. Os cookies também permitem que você visite sites selecionados sem precisar fazer login cada vez que o visita.

Infelizmente, os hackers podem causar estragos na infraestrutura de computadores da sua empresa usando as informações obtidas por esses cookies. Isso ocorre porque quando os cookies são ativados em um site, esse site pode rastrear seus padrões de navegação em outros sites. Portanto, não ative os cookies em um site até ter certeza de que é necessário.

Excluir cookies existentes

Existem várias razões pelas quais você deve considerar a exclusão de cookies do seu navegador. Eles representam um risco para sua rede porque permitem que os cibercriminosos obtenham acesso acessando uma sessão do navegador.

Os cookies podem rastrear seus dados, incluindo seu histórico de pesquisa e navegação, endereço IP e outras interações online.

Evite Wi-Fi público

As conexões Wi-Fi públicas estão abertas a praticamente qualquer pessoa, e os maus atores podem facilmente penetrá-las. Os hackers entendem que muitos usuários se conectam ao Wi-Fi público e inventam maneiras de hackear dispositivos conectados.

Crie regras para evitar conexões públicas de internet, especialmente se você não puder garantir a segurança delas. Se você não tiver escolha a não ser usar o acesso público gratuito à Internet, evite inserir qualquer coisa que possa comprometer sua identidade.

Você também pode escolher uma rede privada virtual (VPN) segura para navegar enquanto estiver fora de casa. As informações que você envia e recebe serão criptografadas, dificultando o acesso dos cibercriminosos.

Leia também: 8 hábitos de privacidade de dados a serem praticados

Não compartilhe muito online

Com o surgimento de aplicativos de mídia social como TikTok, Twitter, Instagram, Discord e Twitch, muitos usuários são pegos no compartilhamento de grandes quantidades de informações pessoais na web. Na maioria das vezes, as informações que os usuários compartilham nessas plataformas sociais levam a violações de privacidade e roubo de identidade.

Esteja atento ao que você compartilha com seu público online. Se você não divulgar seus dados pessoais, os invasores não terão muitas informações sobre você à disposição. Dados como seu endereço residencial, número do seguro social, detalhes do cartão de crédito e informações bancárias devem ser irrestritos.

Limite do cartão de crédito para compras online

Outra maneira de proteger sua identidade online contra ameaças cibernéticas é limitar o uso de cartões de crédito para compras online e pagamentos gerais em sites de terceiros. No entanto, se você precisar fazer compras on-line, esteja ciente das ameaças à segurança das compras on-line e como evitá-las.

Quão respeitável é a loja em que você compra? Lojas respeitáveis ​​adotam medidas extras de segurança para proteger seus clientes. Quando um site solicita informações pessoais ou financeiras, procure “HTTPS” na URL para verificar a segurança e a privacidade do site.

Proteja sua identidade online a todo custo

Sua identidade é uma parte importante de quem você é como pessoa. Proteger-se e proteger-se é uma coisa. Contanto que você entenda os possíveis sinais de roubo de identidade, você tem mais chances de eliminá-lo em um estágio inicial, permitindo que você continue aproveitando o tempo que passa online.

Portanto, fique a par das ameaças cibernéticas emergentes que colocam sua identidade online em risco e tome as medidas necessárias para mantê-la segura.

Leia também: O que é hacking? Entenda este universo

COMPARTILHAR:
brayan

Brayan Monteiro

Bacharel em Sistemas de Informação pela Faculdade Maurício de Nassau e desenvolvedor PHP. Além de programador, produzo conteúdo e gerencio blogs. Sou especialista em desenvolvimento de software, SEO de sites e em negócios digitais.